Parauapebas, PA: desocupação de área causa confusão

A Fiscalização do Brasil todo enfrenta esta situação.

Alguns Municípios conseguem acabar com a invasão sem ingressar no Judiciário, dispondo em Instrução Normativa os procedimentos fiscalizatórios para a situação.

Outros, mais despreparados, deixam a invasão se consolidar e, só depois, vão atrás do Judiciário… pra estes uma palavra só: PREVARICAÇÃO.

Veja a notícia:

Desocupação de área invadida por sem-teto gera confusão e interdição de rodovia em Parauapebas

Desocupação de área invadida por sem-teto gera confusão e interdição de rodovia em Parauapebas

Comandada pela Prefeitura Municipal de Parauapebas, por meio da Secretaria Municipal de Urbanismo (SEMURB) e Secretaria Municipal de Habitação (SEHAB), cerca de 100 famílias que invadiram uma área nas proximidades da empresa JSL e Morro Alto Bonito, tiveram que sair de seus barracos, na manhã de quarta-feira (16 de outubro de 2013) e ficaram sem ter para onde ir.

Em uma operação que teve como parceiros SEHAB, SEMURB, com o apoio da Clean Service e acompanhamento de homens do Grupo Tático da Polícia Militar, os populares que residiam na invasão que fica nas proximidades das Casas Populares I e II tiveram tempo de apenas tirar seus objetos pessoais dos barracos, e pouco tempo depois, homens e máquinas derrubaram a moradia de dezenas de famílias.

De acordo com a dona-de-casa Josefina de Araújo, de 35 anos, todos os moradores da área se surpreenderam com a chegada de máquinas, fiscais da prefeitura e até mesmo policiais. “Não somos nenhum bandido, estamos nesta área porque precisamos e não porque queremos. Se a Secretaria de Habitação quer nos tirar daqui, porque não avisaram com antecedência? Nós temos direito a moradia”, destacou Josefina, que diz ter três filhos e não saber onde passar a noite com a família, já que o barraco em que eles moravam foi derrubado pela Prefeitura de Parauapebas.

Rodovia PA-160 foi interditada
Não satisfeitos com a ação da Prefeitura Municipal de Parauapebas, os moradores da área invadida nas proximidades da PA-160, queimam pneus velhos e madeiras na via que liga os municípios de Parauapebas e Canaã dos Carajás e interditaram a estrada por mais de uma hora.
O clima no local ficou tenso com a chegada de homens da Policia Militar que fazem parte do Grupo Tático, que depois de muitas negociações conseguiram acalmar os ânimos dos manifestantes, que por sua vez desobstruíram a PA-160.”

Fonte: Pebinha de Açúcar

Comentários

comentários