Guardiões da Cidade de Vila Velha, ES

Os Guardiões da Cidade têm a missão de corrigir as posturas lesivas à convivência urbana.

São homens e mulheres que, por dever de ofício, devem organizar a urbe.

Expõem-se a toda sorte de ameaças, mas se impõem para solucionar conflitos.

Conhecem  o próprio valor para a manutenção da tranquilidade e do sossego públicos, mas se ressentem do reconhecimento público.

Muitas vezes têm a seu serviço apenas o dever e a própria vontade de dirimir conflitos. Dão-lhes o dever, mas não lhes garantem os meios.

Não são heróis, mas seus poderes amparam as pessoas, prestando-se a harmonizar os direitos individuais.

Apresentam-se como o poder coercitivo, ainda que façam de tudo pela conciliação.

Não lhes é permitido vacilações, devem inspirar valores éticos e conduzir-se por padrões morais elevados.

Guardiões da Cidade de Vila Velha em ação

foto

“Fiscalização ambiental interdita tanque aéreo de combustível . Ressalte-se que estão dispensadas do licenciamento as instalações aéreas com capacidade total de armazenagem de até quinze m3, destinadas exclusivamente ao abastecimento do detentor das instalações, mas não estão dispensadas da fiscalização, devendo ser construídas de acordo com as normas técnicas brasileiras em vigor (bacia de contenção, piso impermeável e caixa separadora água/óleo), ou na ausência delas, normas internacionalmente aceitas.
No caso acima o responsável foi notificado a regularizar sua situação, como não cumpriu o Auto de Notificação, foi tomada medida de cautelar de interdição como precaução.” – por Anna Araujo

                       

Os Guardiões da Cidade de Vila Velha, reunidos sob a Coordenação de Recursos Naturais (CRN) da Secretaria do Meio Ambiente, desenvolvem “fiscalização constante das Unidades de Conservação do Município”.

No dia 13 de fevereiro, feito o flagrante, foram presas três pessoas e encaminhadas para a Polícia Civil.

 

Comentários

comentários